Aromaterapia: tudo que você precisa saber sobre!

Você já ouviu falar sobre aromaterapia? Essa é uma das terapias holísticas que vem sendo difundida cada vez no Brasil.

Inclusive, o próprio Ministério da Saúde reconheceu ela como uma das terapias integrativas.

Dessa forma, por meio dela, acontece a utilização de propriedades curativas presentes em alguns óleos essenciais, que são responsáveis por produzir o aroma das plantas.

Em todo caso, conheça tudo sobre essa maravilhosa terapia que está ligada de forma direta ao olfato.

O que é a aromaterapia?

Basicamente ela consiste em uma terapia holística que tem como principal intuito proporcionar o bem-estar físico e mental por meio do uso de óleos essenciais.

Inclusive, ela ajuda a mostrar que existe uma ligação entre os sentimentos e o olfato.

Então, a partir da inalação dos aromas, os canais olfativos enviam mensagens para o sistema límbico, que é a parte do sistema nervoso responsável pelas emoções.

A partir disso, o cérebro passa a reagir segundo os aromas, mudando o humor ou até mesmo o seu estado de espírito.

Por conseguinte, através dessa terapia uma pessoa triste pode ficar mais alegre, por exemplo.

Portanto, essa técnica ajuda nos sintomas de problemas bem conhecidos, como depressão, ataques de pânico e ansiedade.

Principais formas de utilização

A aromaterapia não precisa ser usada apenas para a harmonia do corpo, já que ela funciona também para equilibrar ambientes.

Isso tudo porque os óleos essenciais apresentam ativos que oferecem benefícios variados.

Por essa razão, ele pode ser utilizado diluído em veículos carregadores, seja através de massagens, cremes, loções, gel, inalação ou puro.

Massagem

Uma das principais formas de utilização é através da massagem, onde a derme absorve o óleo aplicado.

Desse modo, se você sofre com tensões musculares, por exemplo, a substância aplicada alivia esse problema, atuando como um anti-inflamatório.

Difusão

A difusão por sua vez acontece quando o óleo é volatizado no ambiente onde você estar.

Essa utilização é ótima pois potencializa os resultados, que acabam acontecendo de forma bem rápida.

Inalação

Por fim, o uso mais conhecido da aromaterapia é através da inalação, onde o óleo chega até o sistema nervoso fazendo com que o organismo responda a ele.

Essa inalação é induzida de diversas formas, como:          

  • Vapor facial;
  • Inalação a seco.

Conheça os aromas dessa terapia

Para começar o terapeuta faz uma análise do paciente como um todo para definir qual o melhor óleo para a situação dele.

Afinal de contas, para cada enfermidade existe um aroma diferente que ajuda na cura ou alivio dos sintomas.

Então, conheça um pouco desses aromas:

  • Citronela – é um tônico, estimulante, higienizador e purificador de ambiente;
  • Eucalipto – é um grande expectorante, ideal para cansaço, falta de concentração mental e doenças respiratórias, como asma, bronquite, dentre outras;
  • Rosa – é um tônico geral, rejuvenescedor, regenerador, antidepressivo e muito mais;
  • Sândalo – é um antisséptico, afrodisíaco, calmante e ideal para a meditação;
  • Alecrim – é um estimulante, elimina as toxinas, estimula a concentração e fortalece a memória.

Benefícios da aromaterapia

Para finalizar, fique ciente de que existem muitos benefícios atrelados a aromaterapia, sendo os principais:

  • Combate ao estresse;
  • Estimula o humor;
  • Combate a insônia;
  • Alivia dor de cabeça e enxaqueca;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Alivia o cansaço;
  • Regular a disfunção hormonal.

É óbvio que todos esses benefícios dependem do tipo de óleo utilizado, já que cada um é ideal para uma situação, como foi visto acima.

Por essa razão, busque sempre praticar a aromaterapia com um profissional especializado.

Conclusão

A aromaterapia é a técnica que você buscava para ter uma melhor qualidade de vida.

Portanto, não se demore em começar a fazê-la, assim você vai usufruir de todas as vantagens que foram mencionadas acima.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Bloqueado Para Copia